Lajes

Lajota de cerâmica

As lajotas cerâmicas, que são guias para a medição da distância entre as vigotas, estruturam a laje antes de preenchida com concreto. As vigotas servem como suporte para treliças metálicas que garantem a forma e resistência. A laje pode ser moldada dentro do canteiro de obras ou então comprada pronta. A facilidade na colocação de eletrodutos, esgoto e canos d’água é grande. Além de, como já citado, serem mais baratas do que a laje de isopor, as lajotas de cerâmica não precisam de material especial para garantir a aderência do acabamento e podem ser rebocadas.

Placas de isopor

Também conhecido como EPS, o material serve como forma e enchimento em lajes. A aplicação dos blocos de isopor é feita em suportes formados por vigotas de concreto e ferragens. Logo depois, escoras são posicionadas para garantir resistência e sustentação e a área entre laje e telhado é preenchida por concreto. A maior vantagem da laje de isopor é a diminuição da carga na estrutura. O material é leve sem oferecer riscos à segurança da obra. Quando o material comprado é de qualidade, não existe perigo nenhum no deslocamento sobre a laje